Diversão

Festas Folclóricas

 Cavalhadas

As Cavalhadas foram encenadas pela primeira vez em 1826, por iniciativa do padre Manuel Amâncio da Luz, quando imperador. Sua origem é portuguesa. Representa a luta travada entre os mouros e cristãos no ano 800 DC. Antigamente, a festa era apresentada no largo da Matriz e hoje é feita no campo das cavalhadas com camarotes, palanques e arquibancadas. As cavalhadas sempre foram corridas ao som de banda de música, durando três dias, de domingo a terça-feira.

A Cavalhadinha e o Reinado

Durante o final de semana do feriado de Corpus Chrsti é realizada, desde 1987, as Cavalhadinhas. Uma versão das Cavalhadas para crianças até 12 anos.

Leia mais sobre as Cavalhadas e outras manifestações culturais da cidade

Os Mascarados

Os mascarados usam roupas extravagantes e máscaras de boi ou onça, enfeitadas com flores de papel. Montados à cavalo ou à pé, fazem algazarras e dançam pelas ruas da cidade, numa manifestação de alegria para espantar o maus espíritos. Saem durante a Festa do Divino e Cavalhadas.




Festa do Morro

A Festa do Morro é realizada no final de semana plenilúnio (lua cheia) de julho, com missa, romaria, fogueira, queima de fogos e distribuição de chá e biscoitos durante quatro dias. Realizada na Serra dos Pirineus, a romaria é em louvor à Santíssima Trindade e a primeira missa foi realizada em 1927. Existe também uma capela, construída em 1932, no pico do Morro dos Pireneus.

76º Festeiro (2002) - Adomício de Almeida Dia
77º Festeiro (2003) - Henrique Tilapa
78º Festeiro (2004) - José Joaquim
79º Festeiro (2005) - Ariel de Almeida

As Pastorinhas

As Pastorinhas é uma peça teatral toda em bailado levado ao palco pela primeira vez em 1922. Auto Natalino em 3 atos, que é formado pelos cordões "Vermelho e Azul", um dos pontos marcantes do Folclore da cidade.

Nos povoados

Festa da Capela do Rio do Peixe | Estrada para Goianésia, 37 km | Pirenópolis - GO

No mês de julho durante nove dias, no povoado de Capela, distante 37 km de Pirenópolis, é realizada a festa da Capela com a romaria em louvor à Nossa Senhora Santana.

Festa do Divino Pai Eterno

Estrada para Anápolis, 22 km | Pirenópolis - GO

Comemorada no mês de junho em dois finais de semana seguidos no povoado de Caxambu, distante 21 km de Pirenópolis. Na festa tem missa, imensa fogueira (a lenha é trazida por 20 carros de boi), fogos, leilões e barraquinhas.

Página principal

sobre nósanunciefaledireitos reservados
-