JS NewsPlus - шаблон joomla Продвижение
Portuguese English Italian Spanish

VII Canto da Primavera tem seu primeiro dia

19/09/2006

Sob a coordenação de Fernando Perillo, o evento tem sua abertura nesta terça-feira, 19 de setembro, às 20 horas, no Teatro de Pirenópolis, estendendo-se até domingo, dia 24, quando a banda Barão Vermelho fará o show de encerramento. Com a presença de autoridades estaduais e municipais, entre eles o presidente da Agepel, Nasr Chaul, o Canto da Primavera inicia-se com soltura de fogos, seguindo-se apresentação da tradicional Banda Phoenix, de Pirenópolis, sob regência do maestro Alexandre Luiz Pompeu de Pina.

O Canto da Primavera consolidou-se no cenário cultural de Goiás como um dos mais completos perfis da música brasileira contemporânea e regional. Para este ano, as novidades abrangem as apresentações de palco, como a presença, pela primeira vez, de Ná Ozetti e André Mehmari, que realizam o show de abertura, e a inclusão da fonoaudiologia nas oficinas de música, com aulas ministradas por Fabiana Gobo. Esta oficina se soma ao estudo dos diferentes instrumentos e tem como objetivo a manutenção da saúde e do equilíbrio vocal.

Além do Teatro de Pirenópolis, esta sétima edição do Canto da Primavera conta com o Cine Pireneus, o Palco do Rio e o Palco do Rosário. Dentro de sua variedade de ritmos, traz seis atrações nacionais: a dupla Di Paulo e Paulino, o cantor e instrumentista Almir Sater, a banda Barão Vermelho e as duplas Ná Ozetti e André Mehmari e Paulo Senise e Gilson Peranzzetta. Revezando-se nos quatro palcos do evento, dezenas de artistas regionais, entre cantores, instrumentistas e grupos musicais, vão do rock a peças eruditas, passando pelo sertanejo-pop, blues, chorinhos e outros estilos.

Oficinas de Música

Seis oficinas de musica começam a ser ministradas nesta terça-feira, das 14 às 18 horas, na Escola Municipal Tia Olívia, nas modalidades de bateria (com Cláudio Infante), contrabaixo (Bororó), percussão (Gustavo Di Dalva), piano e teclado (Gilson Peranzzetta), saxofone e flauta (Paulo Senise) e violão e Guitarra (Nelson Faria). Um total de 130 alunos participam das oficinas de música.

Nessa vigorosa caixa de ressonância que transforma o cotidiano de Pirenópolis, o Canto da Primavera, que tem como apresentadores o ator e humorista Juquinha, a modelo e atriz Lara Brito e o apresentador cultural Natureza, cerca de 50 técnicos e outros 30 profissionais formam a equipe de produção do evento. Ao todo estão envolvidos cerca de 400 músicos, com a geração de mais de 500 empregos diretos. Estima-se que está sétima edição do evento seja vista por cerca de 100 mil pessoas. São destinados para esta Mostra de Música de Pirenópolis recursos na ordem de R$950 mil, oriundos do Tesouro Estadual.

Pesquisa encomendada pela Agepel e Agetur, revela que 59,63% das pessoas consideram de excelente nível os shows do Canto da Primavera, e 100% afirmam que a Mostra de Música de Pirenópolis deve continuar com novas edições.

Exposição de fotografias e artes plásticas

Como atividades paralelas ao Canto da Primavera, estão programadas as exposições Pirenópolis e Seus Encantos e Pirenópolis Canta a Primavera, de Arnaldo Lobato, no haal do Cine Pireneus, onde estarão abertas ao público entre os dias 20 e 24.

Com apoio da Agepel na divulgação, também acontece, desta terça-feira, dia 19, até 2 outubro, no Quintas Hotel Santa Bárbara, uma exposição coletiva de artes plásticas, promovida pela Catedral das Artes, de Goiânia. Expõem seus trabalhos os artistas Angelos Ktenas, Antônio Poteiro, Antônio Vieira, Admar Custódia, AP Queiroz, Américo, Cléa Costa, Dek, Elizeth Horbylon, Gilvan Cabral, Helder França, Juca de Lima, Júlio Valente, Alexandre Liah, Lara Luíza, Luiz Tolosa, Maria Guilhermina, Marilda Passos, Narcisa Cordeiro, Noé Luiz e Pirandello. Estão previstas as presenças de alguns destes artistas, entre eles Maria Guilhermina.

Fonte: Agepel